domingo, 30 de setembro de 2012

“Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o vosso coração.”

“Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o vosso coração.” Mateus 6.21

 Conta-se que uma mulher caminhava por uma região montanhosa com seu filhinho ainda bebê no colo. Havia muito tempo que eles estavam caminhando, estavam cansados e tinham passado fome, sede, cansaço ao longo deste caminho.
 Um dia, porém, estava chovendo e a mulher encontrou uma caverna, sempre com o bebê no colo entrou na caverna e ao longe viu uma pequena luz, foi caminhando ao encontro dela e encontrou uma porta, quando se aproximou a porta se abriu e havia uma sala repleta de ouro, pedras preciosas e riquezas com as quais ela nunca havia sonhado. 
Com os olhos ofuscados pela beleza de tantas riquezas, a mulher ouviu uma voz que dizia: -Dentro de uma hora a porta por onde você entrou irá se fechar para sempre. Pegue tudo o que quiser, mas não se esqueça do que realmente importa! A mulher colocou seu bebê no chão e rapidamente começou a pegar todo o ouro e pedras preciosas que seus braços pudessem carregar. 
O tempo foi passando e ela nem percebeu. Novamente aquela mesma voz repetiu: -Pegue o que quiser, mas não se esqueça do que realmente importa! Naquele mesmo instante a porta começou a se fechar e a mulher saiu correndo, temendo ficar presa para sempre naquele lugar. E ficou feliz ao perceber que tinha conseguido sair antes que a porta se fechasse completamente. Mas em meio aquela correria ela se deu conta de que havia se esquecido de uma coisa, o que ela tinha de mais precioso na vida: seu bebê. 
Então ela se lembrou da voz que dizia: -Não se esqueça do que realmente importa! Ela havia se iludido com toda a riqueza que talvez jamais pudesse adquirir ao longo de toda a sua vida e se esquecido do que realmente importava e agora era tarde demais, seu bebê estava perdido para sempre.
 Quantas vezes em nossas vidas damos importância ao trabalho, aos estudos, às nossas conquistas materiais e nos esquecemos dos mais preciosos bens que o Senhor nos deu? Nossa família, nossos amigos, são preciosidades... Jesus nos deixou uma valiosa lição quando disse: "Pois, que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma?" Marcos 8:36 De que vala conseguirmos conquistar fama, reconhecimento, dinheiro e bens materiais se não tivermos o mais importante, a presença de Deus em nossas vidas e as pessoas que amamos ao nosso lado para compartilhar conosco cada conquista?

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Prosperidade Divina VERSUS Maldição da Riqueza


Prosperidade Divina VERSUS Maldição da Riqueza 1 Timóteo 3:7 Introdução:

 É inevitável que durante a nossa peregrinação na terra, não busquemos as coisas que satisfaça a nossa vontade e que possa nos trazer o conforto. Por certo também nesse percurso de nossa jornada, corremos atrás de tantas coisas fúteis e esquecemos da verdadeira riqueza a Salvação (Romanos 10:9; Efésios 2:8-10). Deixamos de viver a vida que depende de fatores como lazer, saúde, vida com a família, vida espiritual, vida social, amigos, descanso... tudo isso para corrermos atrás de riquezas. Que em muitos casos exigem muito trabalho e esforço, sem pensarmos nas consequências de doenças e de futuros problemas de relacionamento causado pela busca incessante de ter mais e mais. Onde queremos chegar com essa busca? Estamos no caminho certo?

 I – RIQUEZA : MALDIÇÃO OU BENÇÃO?
 1. Ao escrever a sua carta ao Timóteo, Paulo nos exorta aos perigos da busca da riqueza onde muitos por terem ambição desordenada caem em ciladas e tentações, criando sua própria armadilha. Armadilha porque o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males (I Tim. 6.9-10), a ambição ocupa o lugar de Deus que é dono de todas as riquezas. Criador do céu e a terra (Gênesis. 1:1). A busca gananciosa nos leva a desviar da fé genuína em Cristo, perdermos a vontade de orar, perdermos a vontade de ler a palavra, perdemos a intimidade com o Senhor. Por diversas vezes acreditamos que a nossa felicidade está no dinheiro, pois, com ele podemos satisfazer nossa necessidade material e resolver os nossos problemas. Em alguns casos isso nos realiza, afinal temos que oferecer mordomia e bem-estar a nossa família. Fora a essas necessidades a ganância exagerada nos leva a ruína e perdição pelo desejo egoísta e consumidora de possuir cada vez mais. Isso é pecado! Porque a vida de um homem não consiste na abundância de bens que ele possui. Lucas 12:15.

  II – A VERDADEIRA PROSPERIDADE NA VISÃO DE DEUS
“Buscais as coisas de cima e não as da terra” Col. 3:2. “Buscai o reino e as demais coisas vos serão acrescentadas.” Lucas 12:13. O poder da riqueza é sutil, a riqueza material nos é dada para a nossa mordomia e muitos não recebem por não ter sabedoria em lhe dar com a situação dos ricos. Se viemos de mão vazias para o mundo, da mesma forma voltaremos, ou seja, sem nada (I Tim. 6:7). Deus quer que seus filhos sejam prósperos, assim como Abrão, Isaque e Jó a quem o Senhor os abençoou e receberam riquezas. A prosperidade divina nos traz alegria, conforto e principalmente paz interior, devemos nos lembrar que todas as nossas bençãos é para a honra e a Glória do Senhor, principalmente a riqueza concedida por Deus.

 III - A VONTADE DE DEUS PARA NOSSAS VIDAS
 Quem persegue o ser com certeza haverá de ter, mas quem persegue o ter nunca haverá de ser. A palavra de Deus nos apresenta homens que foram prósperos na vida financeira e seus corações não se ensoberbeceram; Abraão, Jó, Barnabé, etc... mas pelo contrario serviram ao Senhor com suas fazendas entendendo que eram apenas mordomos e não donos, pois tudo é de Deus. A vontade de Deus para seu povo é que ninguém passe por privações e que sejam prósperos em tudo incluindo a vida financeira, mas que a riqueza não seja principal prosperidade de ninguém; pois há pessoas que são tão ricas, mas tão ricas que só têm dinheiro. Deus quer que seu povo seja tricotomicamente prósperos e cheios de sua plenitude: Espiritual, emocional e física.

 Conclusão:

 O homem fiel será cumulado de bençãos, mas o que se apressa a enriquecer não passará sem castigo (Provérbios 28.20). A prosperidade pode ser entendida como a lei de causa e efeito, de relacionamento a obediência e retribuição ao Senhor. Se desejamos recebermos algo de Jesus devemos segui-lo e ter fé. Como diz a canção: “Se eu honrar e bendizer ao meu Senhor obedecer, eu comerei o melhor dessa terra. Não podemos colocar a nossa esperança na incerteza da riqueza, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos (I Tim. 6:17), inclusive a vida eterna. Que o Senhor nos revele sua palavra e nos ensine o caminho da verdadeira prosperidade.

 | Autor: Lucielli Torres | Divulgação: EstudosGospel.Com.BR |

Neymar na cruz retratado como se fosse Jesus


Neymar aparece crucificado na capa da edição de outubro da revista Placar. Apontado como “bode expiatório” nas críticas sobre ética no futebol, ele aparece como principal personagem de uma discussão sobre a fama de jogadores cai-cai.

 Segundo o diretor da revista, Maurício Barros, a intenção é questionar a posição de “vilão” em que o craque brasileiro foi colocado pelo universo do futebol. “Ele é o jogador mais caçado do futebol brasileiro e acabou virando o vilão, o cai-cai”, explica.

 Barros também levanta a discussão sobre as críticas feitas a Neymar que o colocam como “exemplo de falta de ética no futebol”.

 “Essa reportagem procura levantar uma discussão sobre um certo linchamento público desse jogador que ganhou essa fama de cai-cai. O Neymar acabou transformado num exemplo de falta de ética no futebol. Houve um recrudescimento dessas críticas pra ele. O futebol profissional é um jogo em que a gente pode enxergar inúmeras trapaças dos jogadores, um jogador querendo enganar o outro, os próprios técnicos instruindo os jogadores a enganar o juiz. Só que uma delas carregada com tintas muito fortes e pegaram o Neymar como um grande vilão dessa história”.

 Levantando questões, sem condenar nem inocentar o jogador, a revista fala em justiça nas críticas a Neymar e compara com o comportamento de outros jogadores, que pressionam juízes e bandeirinhas e simulam situações de jogo.

 Sobre a forte imagem da capa, Barros admite correr o risco da possibilidade de comparações do jogador a Jesus Cristo, mas explica não ser a intenção da revista.

 “Acho que pode haver a comparação porque Jesus Cristo foi o crucificado mais famoso, mas a nossa analogia é com a execução, como a crucificação como elemento histórico de execução pública”

 NOTA: 
Independente da situação vividas aqui pelo atleta, em nada se compara as situações que Jesus passou quando este entre nós, esta comparação feita e retratada pela revista é de muito mal gosto e vai com certeza entristecer não somente a nós, mais também o coração de Deus e todos os cristãos que conhecem a mensagem da cruz, que com toda certeza não é esta. Por mais que as justificativas dos diretores da revista possam dar não vai justificar nunca esta “capa”. Fica aqui nosso indignação ao exposto, mas com a certeza que o povo lavado e remido no Sangue do Cordeiro vertido na Cruz do Calvário, saberá distinguir entre o Santo e o “profano”. Amém…


quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Dilma e a Islamofobia, e o filme de Maomé; Pr. Silas comenta


A presidente Dilma Rousseff discursou na ONU nesta terça-feira (25) e colocou seus pontos de vista desprovidos de coerência e visão democrática. Durante seu pronunciamento, Dilma afirmou haver Islamofobia no Ocidente, ignorou a Cristofobia (como o famoso caso do Pr. Youcef Nadarkhani), responsabilizou Israel pela crise do Oriente Médio, e propôs o reconhecimento do Estado Palestino como membro pleno das Nações Unidas.

 Confira abaixo trecho do constrangedor discurso da presidente Dilma Rousseff na ONU:

 Ainda como presidenta de um país no qual vivem milhares e milhares de brasileiros de confissão islâmica, registro neste plenário nosso mais veemente repúdio à escalada de preconceito islamofóbico em países ocidentais. O Brasil é um dos protagonistas da iniciativa generosa “Aliança de Civilizações”, convocada originalmente pelo governo turco.

 Com a mesma veemência, senhor Presidente, repudiamos também os atos de terrorismo que vitimaram diplomatas americanos na Líbia.

 Senhor Presidente,

 Ainda com os olhos postos no Oriente Médio, onde residem alguns dos mais importantes desafios à paz e à segurança internacional, quero deter-me mais uma vez na questão Israel– Palestina.

Reitero minha fala de 2011, quando expressei o apoio do governo brasileiro ao reconhecimento do Estado Palestino como membro pleno das Nações Unidas. Acrescentei, e repito agora, que apenas uma Palestina livre e soberana poderá atender aos legítimos anseios de Israel por paz com seus vizinhos, segurança em suas fronteiras e estabilidade política regional.


Pr. Silas comenta: 

Um dos mais desastrosos e medíocres discursos feito por um estadista brasileiro nas Nações Unidas. 

Vamos aos fatos:

 1. Nunca vi uma coisa tão descabida fora da realidade, como a afirmação da presidente Dilma Rousseff, de que no ocidente existe uma Islamofobia. Pergunto: Em que nação do ocidente houve o impedimento para a construção de uma mesquita? Em que nação do ocidente um islâmico é proibido de praticar a sua fé? Em que nação do ocidente eles são perseguidos, presos, e ateiam fogos em suas mesquitas? Que declaração estúpida da presidente, querendo fazer média com as nações muçulmanas. Porque em qualquer país democrático do ocidente eles são livres para suas práticas religiosas.

 2. A presidente Dilma perdeu sim, a oportunidade de falar da Cristofobia, onde nos países muçulmanos como Indonésia, Nigéria, Irã e etc… Pastores e cristãos são presos e assassinados, Igrejas com gente dentro são queimadas, proibição de abertura de igrejas cristãs, e uma verdadeira perseguição religiosa. A presidente perdeu a oportunidade de falar sobre isso, pois o Brasil é composto de 90% de cristãos, e aqui no nosso país não existe nenhum tipo de perseguição ou retaliação aos muçulmanos. QUE VERGONHA! A presidente Dilma perdeu a oportunidade de ficar de boca fechada sobre este assunto. Não vimos nenhum movimento dela em favor da libertação do pastor Youcef no Irã, preso pelos intolerantes islâmicos do Irã.

 3. Quanto ao outro assunto que só haverá paz no Oriente Médio quando houver um Estado pleno e soberano palestino, faço as seguintes colocações: Israel é o único Estado democraticamente pleno no Oriente Médio.

 Os que governam os palestinos são grupos terroristas que pregam a eliminação do Estado de Israel, e que praticam atentados contra a soberania deste Estado. Como Israel poderá reconhecê-los?

 Os palestinos querem Jerusalém como sua capital. Como isto pode acontecer se Jerusalém é a capital do Estado de Israel, foi fundada pelo rei Davi, e Jerusalém, na história, nunca foi capital de Estado Árabe? Como um Estado soberano vai dividir sua capital?

 Israel ocupa 1% de todo território, não se engane com a propaganda. Os palestinos são de origem árabe, não possuem cultura palestina, possuem uma língua e cultura árabes. Milenarmente aquelas terras pertencem a Israel, creio que haverá paz (tirando aqui a questão escatológica e espiritual) quando eles reconhecerem o Estado de Israel como uma nação soberana.

 4. Por que a comunidade internacional não defende uma nação soberana para os curdos que vivem em parte do Iraque, Irã e Turquia? Por que não separam esta região de pequenas partes destes países para formar um Estado Curdo? Por que, também, a comunidade internacional não luta em favor do país Basco, que está na região da Espanha?

 5. Meu recadinho final para a presidente Dilma sobre Israel: Abençoareis os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem.

 6. Quanto ao filme amador que ridiculariza fundamentos da fé Islâmica, eu tenho dito que no Brasil pode falar mau de Deus, diabo, pastor, padre, evangélicos, católicos, presidente, etc… Não se podia falar contra gay, e agora também contra o Islamismo. Nas novelas debocham de evangélicos e pastores, e no cinema mundial existem vários filmes e documentários debochando da fé dos evangélicos e dos católicos. Ninguém fala nada, ninguém diz nada, e ainda se utilizam do Estado Democrático de Direito, onde a crítica é livre – e eu concordo com isto. Será que a democracia está se dobrando ao terror, e ao medo de retaliações sanguinárias, das ameaças provindas de extremistas religiosos islâmicos? Que vergonha um juiz ir contra a constituição brasileira e mandar retirar um filme de quinta categoria que debocha do Islã. Sejam nós, evangélicos, católicos, islâmicos, espíritas, etc.. Temos que entender que no Estado Democrático de Direito estamos sujeitos ao deboche, à crítica, à contradição, e que também temos o direito, segundo nossas convicções, de utilizarmos os mesmos princípios. Não podemos nos dobrar a nenhum tipo de radicalismo que fere os princípios democráticos. Como disse o presidente Obama: “O filme é ridículo e repugnante, mas nada está acima da liberdade de expressão”.

Fonte: Verdade Gospel.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

A Ética de Judas e os Pastores Vendidos

Quem nunca foi tomado por um forte sentimento de culpa? Quem jamais desejou voltar no tempo para consertar as coisas? Mesmo Judas, o apóstolo traidor, sentiu-se profundamente arrependido do que fizera ao seu Mestre. Lembro-me quando me emprestaram um livro chamado “Eu, Judas”, onde o autor tentava redimir a figura do apóstolo traidor. Entre suas teorias, talvez a mais contundente era a que dizia que Judas fora movido por um propósito altruísta. Ele achava que se “cutucasse a onça com vara curta”, Jesus se levantaria, assumindo Seu papel messiânico, arregimentando Seu povo para uma tomada de poder. A traição seria apenas um empurrãozinho. Mas as coisas não aconteceram como planejadas.

 Quando Judas ouviu de Jesus que os discípulos deveriam se armar para acompanhá-lo até o Getsêmane, ele imaginou que finalmente a revolução ocorreria. Porém, Jesus jogou um balde de d’água fria em seus planos quando não apenas reprovou a atitude violenta de Pedro ao desembainhar sua espada para defendê-lo, como também colocou no lugar a orelha decepada de um dos soldados do Sinédrio que vieram prendê-lo.

 Amargurado com os rumos dos últimos acontecimentos, Judas dirigiu-se aos principais sacerdotes e anciãos para devolver-lhes o dinheiro que recebera para trair seu Senhor. Tudo deu errado! Jesus fora condenado, preso, e em mais algumas horas seria crucificado. A conclusão a que Judas chegara foi expressa na frase: “Pequei, traindo o sangue inocente”. Já que não dava pra voltar atrás, pelo menos o dinheiro que recebera deveria ser devolvido. Mas para sua surpresa, os sacerdotes recusaram recebê-lo de volta. E olha que trinta moedas de prata eram uma quantia considerável. Como os sacerdotes recusaram-se a recebê-la, Judas atirou-a para dentro do santuário e retirou-se já resolvido a suicidar-se.

 Que destino deveriam tomar aquelas moedas? Por mais sórdidos que fossem aqueles sacerdotes, ainda lhes restara certo senso de ética. Em conselho convocado de última hora, concluíram: “Não é lícito metê-las no cofre das ofertas, porque é preço de sangue.

” Como alguém que foi capaz de subornar um dos apóstolos de Jesus para traí-lo, ainda seria capaz de posicionar-se eticamente? Por incrível que pareça, tal senso ético não tem sido facilmente encontrado em muitas lideranças cristãs. Ouvem-se rumores de líderes que aceitaram dinheiro do tráfico para financiar a construção de seus templos ou a aquisição de canais de TV. Soube do caso de uma igreja que apoiou a candidatura de um governador, e que após as eleições bem-sucedidas, veio cobrar-lhe uma secretaria, como havia sido prometido. O governador alegou que todas as secretarias já estavam ocupadas, e que só sobrara a Loteria do Estado (achando que certamente a igreja não aceitaria). Para a surpresa do governador (evangélico, diga-se de passagem), os dirigentes da igreja aceitaram de bom grado a direção do jogo no Estado. Imagine: como uma igreja poderia pregar contra o jogo, se ela mesma é quem está à frente dele?

 A conclusão a que chego é que os principais sacerdotes que condenaram Jesus eram mais éticos que muitos líderes evangélicos de nosso tempo. Que vergonha! Quantos ministérios edificados sobre "Campos de Sangue"? Quantas ofertas recebidas que foram fruto de extorsão, venda de drogas, vidas arruinadas, dinheiro público desviado que deveria ser usado na compra de ambulâncias, merenda escolar, segurança, etc.?

 | Autor: Hermes C. Fernandes | Divulgação: EstudosGospel.Com.BR |

terça-feira, 25 de setembro de 2012

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

DE TUDO UM POUCO - Entrevista com cantor e missionário Beto Tavares

Trailer do filme 'O Livro de Eli' com Denzel Washington

Flight Official Trailer [HD]: Denzel Washington, James Badge Dale and Jo...

Ator Denzel Washington afirma ter vivido uma grande experiência com o Espírito Santo



O ator Denzel Washington falou sobre uma experiência que sentiu o Espírito Santo durante um culto na Igreja West Angeles de Deus em Cristo. Denzel Washington, o ator, de 57 anos, pode ser conhecido por muitos de seus papéis de gângster em vários filmes, como "Dia de Treinamento", mas Washington também insiste sobre compartilhar seu amor por Jesus Cristo.

 Em entrevista à revista GQ, Washington, falou sobre seus valores cristãos, a publicação afirma que o ator lê a Bíblia todos os dias. "Leio a Bíblia todos os dias, leio a minha Palavra Diária", revelou Washington. "Eu li algo grande ontem: "Nós não aspiramos a fazer a vida, aspiramos a fazer a diferença ".

 O ator também disse à publicação sobre uma experiência que sentiu o Espírito Santo durante um culto na Igreja West Angeles de Deus em Cristo. "Isso foi há trinta anos, na igreja que eu ainda frequento. O ministro estava pregando: 'Deixe-o ir'. Eu disse, 'eu vou para Ele.

' " O ator descreve uma experiência física e espiritual que sentiu pela primeira vez o Espírito Santo. "E eu tive essa experiência tremenda física e espiritual. O que me assustou ", revelou Washington. "Eu estava babando, chorando, suando. Minha face explodiu".

 A experiência assustou tanto o ator, que admitiu ter ligado para sua mãe. "Foi muito intenso. Eu quase caí ", disse Washington. "Eu liguei para minha mãe e ela disse que eu estava sendo cheio do Espírito Santo. E eu me perguntava: 'Será que isso significa que eu nunca mais vou poder beber vinho' ", perguntou o ator.

 O múltiplo vencedor de Oscar, já apareceu em filmes desde sua estreia, em 1977, foi mantido ao longo dos anos como ator, mas poucos ouviram falar sobre sua fé cristã. Embora em uma entrevista anterior à Beliefnet, Washington falou sobre a importância da espiritualidade, não só sobre a sua vida, mas também sobre sua carreira.

 "A espiritualidade é importante em todos os aspectos da minha vida", disse Washington. "Quero dizer, é por isso que eu estou aqui. Isso é o que tem me abençoado ".

Fonte: Traduzido de Noticia Cristiana 


Veja vídeo a baixo.

domingo, 23 de setembro de 2012

Cardeal católico critica o uso da igreja como 'curral eleitoral'



O Arcebispo de São Paulo, Dom Odilo Scherer, apelou aos candidatos à prefeitura de São Paulo para que não usem as igrejas como “currais eleitorais”, durante um colóquio nesta nesta quinta-feira.

 “Não aprovamos que nossas igrejas sejam transformadas em currais eleitorais, ou que também nossas comunidades religiosas imponham os votos aos católicos”, afirmou.

 O colóquio foi realizado na Arquidiocese de São Paulo e contou com a presença de Gabriel Chalita (PMDB), Jose Serra (PSDB), Soninha Francine (PPS) e Fernando Haddad (PT). O candidato Celso Russomano (PRB), entretanto, não compareceu à reunião.

 A ausência de Russomano se deu depois de uma tentativa de marcar uma reunião particular com dom Odilo, antes do colóquio, mas o cardeal não aceitou. Russomano queria explicar seu posicionamento diante das críticas católicas ao chefe de campanha do partido, Marcos Pereira, que é também bispo licenciado da Igreja Universal.

 Odilo afirmou que considera que “a manipulação e a instrumentação da religião em função da busca do poder político não são um bem para sociedade e não são coerentes com os princípios de liberdade de consciência e do legítimo pluralismo no convívio dos cidadãos.

” "Esse papel, esse poder de fazer a propaganda, de se mobilizar para fazer a mobilização de algum candidato cabe especificamente aos fieis leigos, aos cristão leigos dentro da igreja.

" Polêmica entre igreja católica e Marcos Pereira.

 A igreja católica criticou na semana passada o bispo Marco Pereira, da Igreja Universal, que é o coordenador da campanha do PRB, por ter associado o conhecido “kit gay” à influência da igreja católica, em um texto publicado no ano passado.

 Marcos Pereira respondeu à situação escrevendo em seu blog que tinha apenas manifestado a sua liberdade de expressão e que respeita os direitos individuais de credo. Ele disse ainda que lamenta que o exercício de pensamento tenha voltado à tona de maneira indevida às vésperas da eleição para a prefeitura de São Paulo. O The Christian Post tentou contato com o bispo para comentários sobre o assunto, mas a comunicação não foi possível.

 O cardeal lamentou a ausência de Russomano na reunião mas disse que foi uma “escolha dele.

” "Foi uma pena ele não ter vindo, mas foi uma escolha… uma escolha dele", disse ele em conversa com o senador Eduardo Suplicy.

 Fonte: The Christian Post | Divulgação: Midia Gospel

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Denuncia! Pr. Marco Feliciano DIVULGUE!

Durante o congresso dos Gideões Missionários da Ultima Hora o Pastor Marco Feliciano faz grandes denuncias.
Vivemos sobre uma nova ditadura moral gay, extremistas querem impor a destruição da família na forma tradicional para iniciar uma guerra contra a igreja, querem fechar templos, queimar Bíblias e proibir toda forma de manifestação contra o pecado com leis que tramitam por força de grupos GLS.
Aborto, casamento Gay, pedofilia e o uso de drogas pode se tornar algo normal sem pena de condenação frente a lei que querem mudar.


quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Loucos por Jesus na Parada Gay

Garoto de 8 anos doa prêmio em dinheiro a amiga com leucemia



Essa é uma história de amizade muito especial entre duas crianças e um enorme gesto de solidariedade. Wyatt Erber tem 8 anos e Cara Kielty tem só 2 aninhos. Wyatt gosta de futebol e Cara Kielty ainda nem fala direito.

 Cara vive cinco casas adiante de Wyatt. São vizinhos e se encontram com frequência na rua. Mas o que une essas duas crianças não é a proximidade ou o fato de viverem no mesmo condomínio na cidade de Edwardsville, no interior do estado de Illinois (EUA). O garoto participou de uma gincana promovida por um banco da região, que durou dois meses e meio, e ele venceu.

 O prêmio foi US$ 1 mil, pouco mais de R$ 2 mil. Teve até cerimônia para receber o checão, mas o dinheiro não ficou nem um segundo com ele. Wyatt decidiu doar todo o prêmio. Para a vizinha Cara.

 “Quando ele me ligou, o primeiro sentimento foi: não, isso não vai acontecer. Você é um garoto de 8 anos, pegue seu dinheiro, compre um videogame, tome seu sorvete, mas isso não vai acontecer”, relembra a mãe de Cara.
Num primeiro momento a mãe da menina
 não quis aceitar a doação e incentivou
 o menino a usar o dinheiro para outra finalidade

 O pai de Wyatt ficou orgulhoso. “Foi um gesto muito bonito”, resume Jeff Erber. “Fiquei em choque. Jamais imaginei que ele fosse fazer isso”, conta a mãe do garoto, Noelle.

 Toda essa reação sobre a doação é porque Cara tem câncer. Antes de doar, Wyatt perguntou à mãe: “Com US$ 1 mil, quantas sessões de quimioterapia Cara poderá fazer?”.

Relação com a doença:

 Num primeiro momento a mãe da menina não quis aceitar a doação e incentivou o menino a usar o dinheiro para outra finalidade Em maio deste ano, a garotinha teve uma dor de ouvido e uma febre alta. Nenhum antibiótico funcionou. Uma semana depois, veio o diagnóstico: era leucemia, um câncer que surge na medula óssea. Cara ficou quase 20 dias internada. Fez cirurgias e várias transfusões de sangue. Agora, uma vez por semana, faz quimioterapia.

 “Eu achei que essa doação pudesse ser boa para ela. Eu simplesmente achei que ela fosse gostar disso”, conta Wyatt na maior naturalidade.

 A mãe do garoto busca uma explicação para o gesto de solidariedade. “Há alguns anos, nós começamos a fazer biscoitos para vender e ajudar a Associação Nacional das Crianças com Câncer. Acho que aí ele aprendeu algo sobre essa doença e a importância do dinheiro para o tratamento”.

 Nem parece que se fala de uma criança de 8 e de outra de 2 anos. São melhores amigos, que se divertem derrubando cubos de plástico empilhados. A mãe de Cara conta que a filha está respondendo à quimioterapia. Os médicos dizem que a menina tem 90% de chance de ficar curada.

 “Eu estou anotando tudo, fazendo um livro para ela ler depois, quando crescer, e saber o quanto foi amada”, diz Trisha. 

 Fonte: Fantástico

terça-feira, 18 de setembro de 2012

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

‘Lula é Deus’, declaração de Marta Suplicy causa polêmica

A nova ministra da Cultura, Marta Suplicy, durante cerimônia de posse no Palácio do Planalto




















A infeliz comparação da ativista gay e senadora Marta Suplicy de que “Lula é Deus” causou polêmica nas redes sociais.

 A declaração foi feita nesta quarta-feira (12), nas vésperas de assumir o Ministério da Cultura. “Lula é deus, eu sou quem faz e Dilma tem boa reputação”, declarou Marta Suplicy, referindo-se ao poder que ela acredita que o trio trará para o seu partido (PT) em busca da vitória nas eleições de 2012. ”Assim, com a entrada do trio, vai dar certo. Eu combinei que iria entrar na hora e estou entrando”, acrescentou.

 O pastor e deputado Marco Feliciano reagiu por meio de seu twitter, chamando a atitude da nova ministra de “arrogante”. Ele, que tem se envolvido nos conflitos entre ativistas gays e evangélicos, criticou fortemente a postura da nova ministra. “Marta e suas heresias. A arrogância precede a queda”, escreveu no microblog.

 “Marta Suplicy, ativista gay assumida, ridiculariza sempre os q tem fé e agora diz q ‘Lula é deus’. Em q planeta? Afirmação + que estúpida!”, declarou o deputado. “Trindade arrogante”, completou Feliciano referindo-se ao trio “Lula, Dilma e Marta”.

 A senadora foi questionada se sua declaração teria algum tipo de sentimento de vingança por ter sido substituída na disputa para a prefeitura de São Paulo nestas eleições. Ela negou, mas admitiu que foi um momento triste para ela.

Marta Suplicy foi a pessoa-chave nas tentativas de implementar o “kit gay” nas escolas públicas e do projeto de lei (PL 122)que criminaliza a homofobia no país.

 O material foi suspenso pela presidente Dilma Rousseff depois de pressão dos deputados evangélicos no início deste ano, mas o PL 122 ainda está pendente no Congresso.

Como ministra da Cultura, Marta pode tornar-se uma outra “dor de cabeça” para os cristãos evangélicos, de acordo com Marcos Feliciano. “Os evangélicos, que estavam ‘felizes’ com a aprovação de um projeto de lei que reconhece a música gospel como manifestação cultural, agora têm uma sensação de ‘tensão’ do que esperar de seu Ministério”, completou.

Fonte: Verdade Gospel.

Lei proíbe propaganda política em templos religiosos e em seus arredores



Apesar de muitas igrejas evangélicas ignorarem as leis eleitorais, há diversas proibições que devem ser respeitadas durante esse período de campanha política, como por exemplo, o uso do púlpito para a propaganda de candidatos.

 No artigo 24 da Lei 9.504/97 está escrito que é “vedado, a partido e candidato, receber direta ou indiretamente doação em dinheiro ou estimável em dinheiro, inclusive por meio de publicidade de qualquer espécie” de entidades beneficentes e religiosas, como limita o inciso VIII.

 Apesar dessa proibição, o jornal Folha de São Paulo apurou na segunda parcial da prestação de contas divulgada pelo Tribunal Superior Eleitoral que cinco igrejas aparecem na lista de doadores em quatro Estados. Os candidatos que receberam essas doações podem ter suas contas rejeitadas e ainda terem seus diplomas de políticos cassados, caso sejam eleitos.

 Essa não é a única proibição em Lei que impede que as entidades religiosas participem das campanhas. A propaganda com placas e faixas também é proibida, assim como pintar inscrições de candidatos e distribuir panfletos.

 A Lei eleitoral proíbe não só essas ações dentro da igreja como ao arredor dos templos, ou seja, os candidatos e partidos só podem fazer propaganda eleitoral fora dos arredores das igrejas.

 O mesmo vale para carros com alto-falantes que não podem fazer anúncios nas proximidades de templos religiosos. Sobre a doação de recursos para candidatos políticos, apenas a pessoa física, no caso um membro da denominação, pode fazer a doação, a instituição (com seu CNPJ) está proibida de investir dinheiro direta ou indiretamente nas campanhas.

 Fonte: Gospel Prime

sábado, 15 de setembro de 2012

Baby do Brasil Gospel - Tua fidelidade é Grande

As Cinco Pedras de Davi


O gigante Golias atormentava todo o exercito de Israel, desafiava todos os dias.

 A visão do exercito e do rei Saul eram no gigante, eles concentraram-se no gigante e em suas forças, e chegaram a uma triste conclusão, não podemos vencê-lo. Havia um jovem ungido de Deus que não olhou o tamanho do gigante, mas olhou o tamanho do Seu Deus e diante do tamanho do seu Deus aquele gigante não era nada, ele não precisa de armas de guerra para enfrenta-lo; a logica humana dizia que o homem para enfrentar o gigante deveria ser um habilidoso guerreiro, do contrario não haveria chance, a logica de Deus dizia que para enfrentar o gigante o homem precisava depender de Deus; a logica do homem armas especiais, espada, escudo, armadura, na logica de Deus cinco pedrinhas. Há um gigante em sua vida? Ele tem desafiado você? Tem desafiado sua fé? Você acha que não pode vencê-lo? Não olhe para ele olhe para Deus, “quem é esse incircunciso filisteu para afrontar o exercito do Deus vivo”.

 Cinco pedras você precisa:

 A pedra da oração – mantenha uma vida constante de oração e você andara em espirito e terá um espirito forte em relação à carne.

 A Pedra da comunhão – comunhão com Deus é marcada pelos momentos que vivemos em sua presença, Tenha um tempo especifico para bíblia em sua vida diária, não termine um dia sem ter meditado na palavra. Deus disse a Josué, não te aparte desse livro nele medite de dia e de noite, para fazeres tudo quanto nele está escrito, assim serás bem sucedido. Não negligencie os trabalhos de sua igreja, participe, contribua.

 A pedra da Unção – todos querem unção de Deus, ela não vem em uma canção, em um momento de louvor se antes a vida do adorador não estiver no altar. Após a comunhão e a oração, a unção virá sobre você, como veio sobre Davi.

 A pedra Visão – O crente precisa de visão, sem ela não se vai a lugar algum, você ver mais do os olhos humanos podem enxergar, você precisa com ver o gigante os olhos da fé. Foi com esses olhos que o adolescente Davi, viu a vitória em sua vida.

 A pedra da fé – a razão diz eu preciso ver, a fé diz eu preciso crer. Saul diz:- tu não podes vencer o gigante! Davi diz: - quem é esse incircunciso para afrontar o exercito Do Deus.

 Diga, para você mesmo eu sou o exercito de Jeová, sou a menina dos seus olhos, pela fé obterei vitória. Cinco pedras, não duas, nem três, cinco pedras e uma delas vai derrubar o gigante, encha o seu alforje com elas e vá à luta.

 Autor: Pastor Jorge Luiz Cesar Figueiredo

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Marco Feliciano comenta desejo de ser presidente do Brasil



Este não é só um sonho meu, mas um sonho de cada evangélico neste país, diz o pastor. Com quarenta anos de idade e um ministério reconhecido em todo o mundo o deputado federal, Pastor Marco Feliciano vê seu nome sendo cotado para ser mandatário do país.

 A famosa frase: “Sonhe e ouse sonhar, você nunca irá além de seus sonhos”. Foi trocada por um sonho: “Sonho com o dia em que o Presidente da República vai abrir o programa ‘Voz do Brasil’ dizendo: ‘Eu cumprimento o povo brasileiro com a paz do Senhor’”, diz Feliciano sempre que tem a oportunidade. Este seu sonho já rendeu até campanha nas redes sociais.

 Feliciano tem uma agenda lotada, no total visita algo em torno de 300 igrejas por ano e calcula-se que ao menos um milhão de fiéis ouvem sua voz todo o ano. Sua pregação condena o aborto, o uso de drogas, a prostituição e confronta os militantes do Movimento LGBT que acusam a Bíblia de ser homofóbica e desejam tornar crime a opinião contra a prática homossexual.

 Feliciano tornou-se um político influente. Nas redes sociais suas contas atingem algo em torno de 2,5 milhões de pessoas. Tem atuado diretamente nas principais decisões em Brasília e se manifestado publicamente contra o que chama de “destruição dos valores familiares”.

 Recentemente em um culto que teve a participação do candidato a prefeito de São Paulo, José Serra, o preletor foi o pastor Marco Feliciano que falou sobre seu desejo de ter um presidente evangélico no Brasil e ainda afirmou que há “estratégias do diabo” para impedir que um “cristão” governe o país. “Este não é só um sonho meu, mas um sonho de cada evangélico neste país.

Saber que somos o país com maior crescimento no número de evangélicos e que temos que enfrentar projetos absurdos como os condidos na reforma do Código Penal. Eu sonho com o governo dos justos e com o dia em que o presidente desta nação vai ouvir o que cada pastor tem a dizer sobre estes projetos”, comentou Feliciano.

 Fonte: Gospel Prime | Divulgação: Midia Gospel

Hillsong - All For Love

Jesus vai falar.


Jesus vai falar, vou ouvir Sua voz ele está aqui entre nós, seu falar é mais doce do que o mel. Quando Ele fala desce o céu, os Anjos voam em minha direção meu corpo estremece com emoção a voz de Jesus aumenta dentro de mim, quero sim ouvir mais 
Voz que perdoa, voz que anima
 Me tira da cova, me joga pra cima
 Voz que restaura. e limpa a minha alma do mal
 Voz que ajuda, voz que liberta
 Voz que é a chave prá porta aberta Prá que você possa viver feliz

Os evangélicos, a imprensa, Haddad e a cobertura desavergonhada. Ou: Evangélicos, exijam respeito! Não se deixem enganar por trapaceiros eleitorais que, no fundo, os desprezam!

Os evangélicos, a imprensa, Haddad e a cobertura desavergonhada. Ou: Evangélicos, exijam respeito! Não se deixem enganar por trapaceiros eleitorais que, no fundo, os desprezam!

A Alegria de dar, é maior do que receber.



“Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos e recordar as palavras do nosso Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber.” (At. 20.35)

A cultura egocêntrica que vem prevalecendo em nossos dias ensina que temos de levar vantagens em tudo. Ganhar tudo o que puder, por todos os meios, de todas as formas e de todas as pessoas, para o nosso próprio deleite. Os ensinamentos bíblicos reprovam tais praticas, mesmo que o mundo as aplauda.

 O apóstolo Paulo quando do seu discurso para a liderança da igreja em Éfeso, utilizou as palavras de Jesus para mostra-lhes esta grande verdade que mais bem aventurado é dar do que receber, isso parece um contra-censo. Alguém já disse que “o dar não é tanto uma questão de quanto dinheiro temos nas mãos, mas quanto de amor temos no coração.” A semente que comemos ou guardamos não pode se multiplicar, o que damos, porém é como uma sementeira que se multiplica, quanto mais semeamos mais colhemos.

 Quem aprendeu a semear é prova que aprendeu a amar, pois o amor tem mais prazer em dar que receber. Conhecemos a historia de Zaqueu em Lucas 19.8 vemos a sua generosidade já na sua conversão. Talvez Zaqueu tenha aprendido mais rápido que muitos dentre nós, que ainda não tiveram os o bolso “convertido”. É necessário compreender que Deus é a fonte de todo bem, pois Ele é quem nos dar a vida, a saúde, a inteligência, e nos capacita para adquirir os recursos necessários, afinal de contas É Ele quem derrama sobre nós bênçãos sem medidas (Ma 3.10).

 Contribuir não é um ato que deve ser feito com tristeza, pois Deus ama ao que dá com alegria (2º cor 9.7). Receber algo de alguém é uma benção e nos proporciona uma grande felicidade, mas Jesus disse que a alegria de dar é maior do que a de receber. Deus nos livre de sermos contaminados com a cultura do egocentrismo, mas que estejamos sim prontos a aprender e praticar os ensinamentos do nosso Senhor, então pensaremos mais nos outros do que em nós mesmos, e assim promoveremos a glória de Deus.

 Quero concluir com uma citação do reverendo Hernandes Dias Lopes: “Não Há bolso em mortalha nem caminhão de mudança em enterro. Nossos tesouros não podem acompanhar-nos nem nos valer na viagem que faremos para a eternidade”. No amor de Cristo. 

Pr.Cícero.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Vitória: pastor Youcef Nadarkhani é libertado da prisão iraniana


Hoje é um dia de muita celebração. Depois de definhar na prisão por quase três anos, sob a ameaça de execução por sua fé, pastor Youcef Nadarkhani foi libertado da prisão e absolvido da acusação de apostasia. Pastor Youcef foi convocado a comparecer diante do tribunal na manhã deste sábado (8) para tratar das acusações apresentadas contra ele.

 Sua audiência durou quase seis horas. Mas, no final, ele foi libertado e pode voltar para casa e para sua família. Ele foi acusado e condenado por evangelizar os muçulmanos. De acordo com fontes próximas ao caso, o tribunal condenou o pastor Youcef a três anos de prisão, lhe concedendo tempo de serviço, o que significa que sua sentença de prisão já tenha sido concluída (o pastor está preso desde 2009).

 “Suas orações foram ouvidas”, comemora o site do Centro Americano para Lei e Justiça, que acompanhava o caso de perto e lutava pela liberdade do pastor iraniano.

 Retrospectiva do caso:

 Youcef Nadarkhani foi preso em outubro de 2009, acusado de apostasia e propagação do evangelho a muçulmanos. Em setembro de 2011, a agência iraniana de notícias semi-oficial, Fars News, informou que Nadarkhani foi a julgamento por acusações de estupro, extorsão e sionismo.

 Documentos do tribunal que vazaram dias depois esclareceram que Nadarkhani foi, de fato, julgado por apostasia; críticos suspeitaram que o relatório falho da Fars News não passasse de uma tentativa de aliviar a pressão internacional sobre as acusações baseadas na fé e religião de Nadarkhani. Países, incluindo Grã-Bretanha, Estados Unidos e Brasil, têm se pronunciado a favor da libertação de Nadarkhani.

 Após passar por prisões em 2006 e 2009, o pastor Yousef foi preso em junho de 2010 sob a acusação de apostasia, liderar igrejas domésticas e proselitismo a muçulmanos. Em setembro do mesmo ano foi condenado por um tribunal regional à morte por enforcamento. Por causa da pressão internacional, a sentença não foi colocada em prática.

Verdade Gospel.

domingo, 9 de setembro de 2012

MUTIRÃO DA SAÚDE.



A excelente reportagem do OPOVO (07.11.11 – p. 4) sobre as emergências médicas de Fortaleza: “ Superlotação nos corredores”, apresenta dados alarmantes: Instituto José Frota (IJF) – Leitos de emergência – 40; no corredor – 156; Hospital Geral de Fortaleza (HGF) – Leitos de emergência – 96; no corredor – 70; Hospital de Messejana (HM) – Leitos de emergência – 100; no corredor – 25; Hospital Infantil Albert Sabin (Hias) – leitos de emergência – 12; no corredor – 6. Resumindo – 248 – leitos de emergência; 256 – macas nos corredores; 504 – pacientes buscando socorro médico.

 Mesmo existindo propostas de solução a longo prazo – novos hospitais, novos postos de saúde, novas policlínicas… – tudo aquilo que o Governo vende em páginas e mais páginas dos jornais e na televisão, não serve para aqueles que nesse momento sofrem encima de uma maca dos corredores.

 Quando se fala emergência, significa – Pronto Atendimento, Imediato Atendimento. Não dá para esperar. Nesses casos, temos que encontrar solução agora. Por que os Governos -municipal e estadual – não realizam um mutirão? É uma situação de calamidade pública. Isso é possível – zerar as emergências já! Basta existir vontade política…

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Despertar: 48 Horas para a Liberdade Religiosa

Vídeo Youcef Nadarkhani: 48 horas de oração pela Liberdade Religiosa


O Centro Brasileiro para Lei e Justiça (BCLJ) está mobilizando, junto com American Center for Law & Justice, um movimento mundial de oração e intercerssão nos dias 22 e 23 de setembro, em favor dos cristãos perseguidos e da liberdade religiosa.

 O pastor iraniano Youcef Nadarkhani é o rosto da perseguição cristã ao redor do mundo. Por isso, pessoas de fé de todas as partes se unirão em 48 horas de clamor para a Liberdade Religiosa, lembrando e destacando todos aqueles que enfrentam perseguição por sua fé (veja o vídeo abaixo).

 No site www.bclj.blogspot.com.br é disponível encontrar todos os detalhes sobre a vida e a situação do pastor Youcef, além de diferentes materiais de apoio a esse evento de oração que pode mudar o rumo da vida de nosso irmão Youcef Nadarkhani.

 Como participar

 Família do pastor iraniano, que está preso desde 2009 por manter sua fé em Cristo Jesus Algumas das sugestões do BCLJ são:

 - divulgue a situação do pastor Youcef por meio das redes sociais e vigílias de oração; - em seus momentode comunhão pessoa com Deus clame pelos perseguidos; 

- organize um culto especial com programa educacional a fim de expor os perigos da discriminação religiosa; - incentive os membros de sua congregação a escrever cartas de encorajamento ao Youcef, remetendo-as ao Embaixador Iraniano em seu país.

 Caso não seja possível, envie as cartas ao Secretário-Geral das Nações Unidas, em Nova York, ou de outras maneiras possíveis e legais. “Envie sua carta, vídeos, fotos e qualquer outro material para coelhoaclj@gmail.com a fim de mostrarmos que a solidariedade é uma poderosa arma que a Igreja possui para combater a discriminação religiosa.

 Nosso objetivo final é aumentar a consciência internacional de discriminação e perseguição religiosa, para que, juntos, lutemos por nossos direitos e saiamos vencedores por meio daquele que nos amou, Jesus Cristo”, descreveu Filipe Coelho, diretor de Operações no Brasil da BCLJ.

 Dúvidas e informações pelo telefone (62) 3214-1044 e pelo e-mail coelhoaclj@gmail.com.

Fonte Verdade Gospel.

sábado, 1 de setembro de 2012

‘Não atentaremos contra a natureza de Deus’, diz Magno Malta


O senador Magno Malta (PR-ES) afirmou nesta quinta-feira (30) que a Frente Parlamentar Evangélica não aceitará qualquer tentativa de legalização do aborto. “Nós não vamos negociar esse tema. Não atentaremos contra a natureza de Deus. Se Deus determina a vida e a ele cabe o porquê de todas as coisas, não cabe a nós questioná-lo”, disse.

 A declaração foi feita durante reunião da frente com o relator da proposta de reforma do Código Penal que tramita no Senado (PLS 236/12), senador Pedro Taques (PDT-MT).

 No debate, Magno Malta também alertou para a possibilidade de legalização da posse de drogas em pouca quantidade: “Estamos combatendo o tabagismo e as grandes indústrias estão perdendo lucro. A maconha, se legalizada, será industrializada. É preciso ter em vista quem ganhará com a legalização das drogas, porque a população em geral só tende a perder”, argumentou.

 Outra queixa foi a possibilidade de criminalização das manifestações contra a homoafetividade: “Devo aos homossexuais o meu respeito e não sou homofóbico. Agora é preciso ficar claro que a televisão ridiculariza o tempo todo os homossexuais. Agora vai um pastor falar mal dos homossexuais. É preciso ter liberdade de expressão. Por exemplo, se você descobre que a babá do se filho é homossexual e você não quer que ela oriente seu filho, já que isso vai contra o que você acredita, contra a orientação de Deus, você não pode despedi-la? Que conversa é essa?”, questionou.

Verdade Gospel.

 Fonte: Agência Câmara de Notícias