sexta-feira, 12 de outubro de 2012

VIDEO 2 Denucia! Pr. Marco Feliciano DIVULGUE!


Em seminário comandado pelo deputado Jean Wyllys, o ativista gay Marcio Retamero chama os cristãos de desgraçados e fundamentalistas
Em um novo vídeo divulgado pelo deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP), um ativista gay promete pegar em armas se for preciso para defender sua ideologia.
Feliciano já havia publicado o texto “Ativismo gay só serve para promover violência. Acorda Brasil!” em seu blog. Na ocasião, o parlamentar havia prometido divulgar as imagens mostrando um ativista gay em um seminário promovido pelo deputado federal, Jean Wyllys (PSOL-RJ), fazendo ameaças aos evangélicos.
No vídeo divulgado nesta madrugada, um ativista do Movimento LGBT, Marcio Retamero, intitulado pastor, chama de “desgraçados” e de “fundamentalistas religiosos” os políticos que defendem a família e a fé cristã.
Marco Feliciano já havia divulgado vídeo em que Marcio Retamero dá a entender que as palavras contidas na Bíblia Sagrada são mentirosas. Neste mesmo vídeo, Jean Wyllys concede um minuto para que Marco Feliciano fale, mas o parlamentar evangélico é impedido de se pronunciar por ativistas que assistiam ao seminário. Wyllys ainda tenta pedir ordem, porém sem sucesso.

Deputado Marco Feliciano foi impedido de se pronunciar em evento do movimento LGBT devido os gritos dos ativistas gays
“O termo homofobia (criado por eles) significa ÓDIO E VIOLÊNCIA contra homossexuais. Quando digo qualquer coisa que não seja o que eles querem ouvir, esmagam minha imagem na internet e me expõe como louco, desequilibrado, fanático, intolerante, fundamentalista e homofóbico, ou seja, alguém que está odiando e incitando violência contra gays, mas na verdade é bem o contrário”, disse o pastor ao Gospel Prime.
Feliciano tem alertado sobre os planos do movimento LGBT e em outro texto publicado no seu blog afirma que o Ministério da Educação (MEC) e o Conselho Federal de Psicologia (CFP) podem estar planejando lançar um novo “kit gay”. O deputado também acusa o CFP de estar fazendo apologia ao homossexualismo e promovendo ações para implantar um novo material sobre sexualidade nas escolas.
Fonte: Gospel Prime