sexta-feira, 29 de março de 2013

" Maldita seca que racha o chão


" Maldita seca que racha o chão de meu querido sertão Que afasta seus filhos Dor tão doida de deixar a terra natal
Terra tão querida Ao mesmo tempo tão árida Árida como os rostos que vejo nas janelas A olhar o céu..." ( Letícia Pessoa )

 Maldita seca?
 Natural seca dessa região, abandonada pela incompetência e toda demagogia desses reais MALDITOS dessa nação!
 Todos os políticos, que transformaram a seca, em apenas um meio ladino e cruel, de conseguirem seus votos de cabrestos por cada nova eleição!
 Onde retiram a dignidade de um povo naturalmente forte; para serem tratados, como meros e eternos pobres! MALDITOS de todos esse políticos!
 Que fizeram da pobreza e da seca, um meio de enriquecimento pessoal e familiar! Pobres eternas "Capitanias Hereditárias"!
 Fortunas entre seus novos coronéis, sempre repassadas!
 Enquanto isso... Um povo que sofre nessa perdida estrada do abandono!
 Da sede e da fome que tudo devora e mata!
 Quem poderia com toda essa dor acabar? Visitantes "generosos" nessa região? " Seu moço...só em época de eleição!"
Cadê a transposição do rio São Francisco!
 Todo dinheiro já nessa obra empregado? NINGUÉM FALA SOBRE ISSO!
 Mas tem as promessas de sempre! As esmolas de sempre!
 Ações eficientes, com políticos interessados na gente? JAMAIS APARECEU POR ESSAS BANDAS!
 AQUI SÓ TEM VOTOS "INVESTIDOS"!
Para esses votos sempre render? JAMAIS ESSA SECA IRÃO NA SUA BASE COMBATER!
Bastam SEMPRE PROMETER, PARA SEU VOTO RENDER!
 Com os votos desse povo enganado, se enchem de fartura!
 Comidas em suas mesas que não acabam mais!
 Pobre e valente sertanejo que olha para o céu!
 Na sua barriga toda uma fome que sempre o tortura!
 Aqui nessa terra, apenas a morte e abandono!
 SERTANEJOS...COM ESSA SINA TÃO CRUEL!
Seguem esperando por alguma ajuda que "caia do céu"!
ATÉ QUANDO???

 ( Raquel Santana )